terça-feira, abril 8

Ritmo pausado

Rasgávamos a alma em melodias pausadas e, sob o céu escuro, desvaneciamo-nos em versos de poesia. Eu respirava a noite como respirava o perfume adocicado entranhado no teu corpo despido e perdia a noção das vezes em que, na tua respiração pausada e ritmada, ficava perdida. Eras-me tanto naquele sigilo nocturno, eras a minha noite e o adormecer dela. Eras-me tudo, digo-o por fim.
Banhava na tua pele seca, a ausência do meu corpo gélido. Os nossos olhares que se desdobravam em sonhos vendidos, sugavam o adormecer do nosso lar. As minhas palavras tornar-se-iam mudas, naquela que seria a eternidade a teu lado.

11 comentários:

  1. Anónimo02:49

    Ainda bem que voltaste ao blogue! A tua ausência deixou-me triste.
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Oh querida Filipa! Fico tão feliz por saber que estás de volta pequenina, acredita. As tuas palavras fazem tanta falta por este mundo, não imaginas! Ainda bem que voltaste, fazias-me falta <3

    ResponderEliminar
  3. Vamos fazer disto a nossa casa, pequenina! Vamos juntar as palavras como quem junta pequenas pedras e constrói uma casa. Que nunca nos faltem as palavras, nem a vontade de as escrever, porque é isso que nos dá abrigo <3

    ResponderEliminar
  4. oh pequenina, és sempre tão doce! e olha, se quiseres participar na ideia do caderno envia só um mail com a tua morada e o teu nome para blogue.notebook@gmail.com
    um grande beijinho para ti <3

    ResponderEliminar
  5. Gosto bastante de tudo o que escreves, é verdadeiramente inspirador.
    Ganhas-te uma seguidora :)

    ResponderEliminar
  6. r: obrigada pela força, o blog é novo, acabei ir deixando o antigo, mas prometo dar o melhor de mim neste novo projecto, e espero faze-lo também contigo :)

    ResponderEliminar
  7. isto está... nem sei, tu escreves mesmo bem, és um diamante em bruto. adoro. adoro mil.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. May, não consigo comentar o teu blogue!
      Beijinho e obrigada :)

      Eliminar
  8. Adorei, adorei a tua escrita.
    R: Muito obrigada.

    ResponderEliminar
  9. Simplesmente maravilhoso, adorei.

    ResponderEliminar